Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

A minha namorada apanhou o bouquet

20.Jun.18

Palavras Cruzadas - As Despedidas de Solteiro

P.A
Voltou o bom tempo.Calor, roupas reduzidas, cheiro a suor do senhor da frente do autocarro. Perfeito! Aqui estamos nós prontos e pouco fresquinhos para mais um Verão.A nossa selecção continua a empatar à campeã e aparentemente tudo se encaminha para o melhor. Mas mesmo assim tenho de confessar que esta é sempre a minha pior altura do ano. Traz-me más memorias este tempo.E tudo porque estamos em plena época de casamentos, ou no caso das meninas solteiras, em plena época de caça.
28.Fev.18

Palavras Cruzadas - Ser convidado para um casamento

P.A
Novo ano, novos casamentos.Tudo normal.Estamos em Fevereiro e fui convidado para um casamento.Mas desde que um bouquet de noiva mudou a minha vida e me tornou exactamente na mesma pessoa, só que com um blog para alimentar, que passei a receber os convites com um sorriso "diferente" na cara.Em criança ir a um casamento era como ser um anexo de uma casa. Os protocolos formais de apresentação, limpeza impecável e as facturas chatas da electricidade e água, eram todas responsabilidade (...)
21.Jan.18

O que aprendi na Exponoivos

P.A
Os inícios de ano são sempre tempos de promessas: uns dizem que vão deixar de fumar, outros vão mais ao ginásio e uns mais espertos, que agora sim, vão contar tudo ao marido/esposa, e sair de casa. Este ano, fui mais radical ainda.Fui à Exponoivos. De qualquer forma, que fique claro, não era nada disto que tinha previsto para 2018. Não me ia propor a algo tão violento, conscientemente. Aconteceu.Fui, mas muito contrariado. Não que tivesse perdido uma aposta, ou feito aquele (...)
11.Ago.17

Quando ele decide pedir a rapariga em casamento

P.A
Calma. A resposta é não. Ainda não.Não sou eu. Hoje trago-vos um texto de um amigo que, mesmo sem a pressão de um bouquet, resolveu pedir a sua amada em casamento. Inacreditável? Ou mais corajoso que alguns P.A's que para aí andam?Digam-me vocês. Deixo-vos então com o CR. Calma. A resposta é não outra vez. Não é o Ronaldo. Nem existem bustos, nem encomendas "aos pares" aqui. Olá! Sou noivo!Aliás, sou um entre muitos que sempre sonharam com esta fase até ao dia do (...)
07.Jun.17

Desculpa Primark...

P.A
Penso que já seja conhecida a minha opinião sobre uma determinada marca que é caracterizada pela capacidade de encher toda a área adjacente à sua entrada, na sua maioria com elementos do sexo masculino. Ali ficam horas, meditando sobre a vida, ou apenas topando as leggings das madames que vão entrando. Mas esta parte eu até já aceito como normal. [a parte das leggings, a da espera não]Basicamente é o mesmo quando estamos angustiados por saber que temos de esperar 2 horas por (...)
17.Mai.17

Ela apanhou o bouquet... e agora?

P.A
Calma, não é déjá vu. Não aconteceu de novo, nem estaria eu aqui assim tão descansado. O problema, meus amigos, é que a hora aperta mais uma vez.Entrámos oficialmente na nova temporada de sofrimento de namorados de raparigas solteiras de 2017, ou se preferirem, a nova ronda de casamentos das amigas que não casaram na ronda anterior.E claro que já recebemos convites. Claro!Claro que sim! Adoro tanto...Na realidade eu até percebo. É o preço da fama. Afinal de contas quem não (...)
10.Jan.17

Situações do dia-a-dia

P.A
Hoje tenho uma situação que se passou entre as duas personagens deste blog: A minha namorada e o P.A.   Estou nervoso. Afinal de contas, é a nossa primeira vez em público.   Vamos lá tentar descrever a cena:   P.A sossegado, no sofá, a escrever. Eu disse que estava sossegado, não disse? A minha namorada vem na minha direcção com o telemóvel na mão e com uma expressão de felicidade no rosto.   Até aqui tudo bem, o P.A. sentia-se seguro e livre de apuros. Basicamente sossegado!  
14.Dez.16

Como tudo começou...

P.A
Tudo começou com aquele momento... Aquele momento que ainda hoje recordo sempre em slow motion na minha cabeça... O maldito bouquet a sair dos dedos suaves e sem malícia da noiva e a dirigir-se convincentemente para as mãos erradas... Ainda por mais eu estava mesmo no centro. Naquele lugar em que temos de virar todo o pescoço desde a noiva, que está do lado direito, até ao destino errado, do lado esquerdo. Mas já lá vamos. O plano até estava a correr bem. Estávamos, (...)
06.Out.16

5.1 dicas para apanhar (quase sempre) o bouquet da noiva! E sem grandes vergonhas..

P.A
Pois bem.. Numa das minhas pesquisas, encontrei uma espécie de roteiro com dicas, algumas delas até muito interessantes, para que se consiga apanhar (quase sempre) o bouquet da noiva..e principalmente(!) sem grandes vergonhas... Ora..aqui tinha duas hipóteses..ou fazia um manual inútil com todas as coisas que não se devem fazer, mas acho isso nem ia acrescentar muito ao que já conhecem nem seria muito relevante para vocês, ou então enumerava algumas dicas que até podem ser (...)
30.Ago.16

Ela apanhou o bouquet e agora?

P.A
Pois bem..O que leva alguém..e principalmente alguém do sexo masculino a criar um Blog que junta palavras como "namorada" e "bouquet" na mesma frase? Palavras que juntas podem representar uma sessão de exorcismo de vida de solteiro e para outros um guia para um final feliz? Pois bem..a resposta é simples.. A MINHA NAMORADA APANHOU O BOUQUET!!!!!!!!!!!!!!!!  Antes ter a ideia de criar um blog sobre este assunto, fiz uma pequena investigação online para perceber o que era (...)