Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

A minha namorada apanhou o bouquet

04.Jul.18

Palavras Cruzadas - A Fé de Férias

Ao contrário da chegada de uma sogra, as férias são sempre bem-vindas.

 

Faça chuva ou sol, esteja frio ou calor, a féria em si é sempre sinal de descanso, conforto e sossego. A não ser que seja o Filipe La Feria. Aí é só uma voz sexy ou apenas tabaco a mais.

 

O próprio Gustavo Santos ainda não se lembrou que "Féria" só se chama "Féria" porque na realidade é uma questão de "Fé" para que se "ria" depois. Que temos de ter fé, que o nosso dia de divertimento e riso chegará.

E mais uma vez o Gustavo estaria certo.

 

As férias são um dos maiores actos de fé em toda a humanidade.

Quem nunca deu por si na maior parte dos seus dias a pensar nas férias?

Quem nunca aguentou aquela semana só a pensar que depois vai de férias?

Ou que este ano é que vão ser as melhores de sempre porque vamos voltar a ver aquela vizinha no Algarve que há dois Verões nos faz olhinhos, mas como somos uns mariquinhas nunca lhe dizemos nada e este ano é que vai ser, que andamos 362 dias ao espelho a treinar "Então, tudo bem"?

Esta última não sei, contaram-me. Mas as duas primeiras já passei por elas.

 

E tal como na fé religiosa, também não se pode brincar muito com esta fé.

Quem nos ousa pedir para não ter férias? Esse infiel do chefe.

Quem nos ousa pedir para trocar férias mesmo em cima do joelho? Esse anticristo, filho da mãe do colega da frente.

Quem se atreve a ficar doente nas férias? Esse P.A que tem um blog.

 

E se tudo correr bem, chega finalmente o dia, chegaram as férias. Rejubilamos com a sua chegada. As nossas orações tiveram o seu fruto e a nossa fé dá lugar ao acontecimento.

 

Estamos oficialmente de férias.

 

Podemos finalmente fazer o que nos estava destinado desde sempre e escrito no nosso ADN.

Algo muito cristão, de espírito de partilha.

 

Tirar fotos e ir para o instagram partilhar/gozar com os que ainda estão só de fé.

 

Tenham fé irmãos, pois eu vou de férias!

 

(imagem)

 

P.A

 

_____________

Este foi o 16º texto da rubrica Palavras Cruzadas, criada em parceria com a Rita da Nova. A ideia é irmo-nos desafiando uns aos outros através da escrita e escrevermos sobre temas que saem um pouco da nossa zona de conforto ou registo. Mas não só entre nós! Vocês também podem sugerir temas e escreverem também se gostarem das sugestões!

Esta semana escolheu a Rita, vejam tudo no blog dela! Para a próxima como vamos estar de férias, vamos adiar umas semaninhas. Mas tenham fé está bem?

O tema será logicamente: o stress pós-férias.