Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha namorada apanhou o bouquet

A história de um rapaz e a namorada que apanhou o bouquet...

A minha namorada apanhou o bouquet

A história de um rapaz e a namorada que apanhou o bouquet...

Dica da Quarta - Como ele compra a prenda de Natal dela!

Caríssimos,

 

amanhã entramos já no mês de Dezembro e vocês podem não saber, mas o dia de amanhã é um dia marcante para mim. E não é por ser feriado!

 

Vou tentar explicar-vos como é que nós (acredito que mais rapazes funcionem assim também), percecionamos todo este processo.

 

Tudo vai começar amanhã.

Hoje ainda estou descansado e por isso consigo escrever sem me sentir pressionado, mas amanhã já sei que todo um processo se vai iniciar...

 

Tratam-se de 5 marcos, 5 alterações do nosso comportamento.

 

Primeiro marco - 1 de Dezembro a 7 de Dezembro

 

Chegou Dezembro. É o primeiro sinal que o Natal está aí mesmo à porta e, como tal, começa a chegar o momento em que começamos a pensar que prenda de Natal devemos comprar para Ela.

Então começamos a ouvir uma mensagem de alerta, relativamente suave, em loop, de 6 em 6 horas na nossa cabeça, que nos diz algo como:

 

"Olha P.A. vê lá se tratas de saber que prenda é que ela quer e já agora compra com tempo, não faças como no ano passado!"

 

Eu até acho fantástico termos este relógio que se liga automaticamente, embutido no nosso ADN. No entanto, o nosso problema nem é este. Vem depois.

 

O problema é que, embora tenhamos evoluído com estes sistemas internos de alertas para não nos esquecermos de comprar a dita prenda, incluímos também uma opção extra.

Esta opção, para perceberem, é muito parecida com o nosso despertador que toca de manhã.

Qual é a primeira coisa que vão fazer logo quando ele toca?

Exatamente. Calar o menino.

 

O rapaz faz exatamente o mesmo. Mentalmente calamos o despertador com uma espécie de  "ok já te ouvi, mas ainda dá para esticar mais um bocadinho...".

 

Uma vez chegado a este momento, já não há volta a dar.

Entrámos no ciclo.

A partir de agora passamos os próximos dias em conflito interno.

Por um lado temos o nosso ADN a bombardear informação de alerta, por outro temos o nosso braço mecânico mental a clicar no botão de silêncio para calar o despertador.

 

3% dos rapazes não aguentam este conflito inicial e compram a prenda logo no primeiro marco.

 

 

Segundo marco - 8 de Dezembro a 14 de Dezembro

 

A nossa mensagem de alerta do despertador muda e passa a ocorrer de forma mais célere, de 4 em 4 horas. Agora passamos a ouvir algo como:

"Caraças, já estamos no segundo feriado de Dezembro.

Já passou uma semana e eu não fiz nada. Meu Deus! Tem de ser esta semana!

Desta não pode passar!"

 

Mas perante novo marco, temos também novo botão de silêncio adaptado:

"Calma. É só dia 8. Faz lá as contas, faltam 16 dias, mais de duas semanas, ainda! Sem stress, rapidamente arranjas aí um dia esta semana e fica resolvido."

 

7% dos rapazes cedem perante o segundo marco e compram a prenda nesta semana.

 

 

Terceiro marco - 15 de Dezembro a 21 de Dezembro

 

A mensagem do despertador volta a mudar.

Como as anteriores não funcionaram, no nosso ADN sente necessidade de alterar algo, passando a ocorrer agora de forma ainda mais célere, de 2 em 2 horas. Além disso, adopta uma abordagem bem mais agressiva e pessoal:

 

"Hoje já é dia 15?? Faltam só 10 dias??

Eu não faço ideia do que hei-de comprar, quanto mais comprar mesmo!!

SOCORRO!!

Estás bem entalado estás!

Mas porque é que deixaste isto chegar até aqui P.A.? És sempre a mesma coisa!! Não ouviste os meus avisos!!??"

 

Mas, mais uma vez, temos o botão de silêncio novamente adaptado em conformidade:

"Calma. É dia 15. Não é dia 24! Não é caso para tanto pânico. Faz lá as contas, faltam 9 dias, mais de uma semana inteirinha, ainda! Só precisas de um dia para tratar disso, ainda te sobram 8."

 

É normalmente nesta semana, de dia 15 a 21 de Dezembro, que 59% dos rapazes cedem e compram a prenda.

 

 

Quarto marco - 22 de Dezembro a 23 de Dezembro

 

Chegamos então ao marco dos rapazes com alguma robustez psicológica.

Aqui o nosso ADN percebe que nem mesmo aquele tipo de mensagem ameaçadora do terceiro marco, está a resultar, então foca-se num comportamento pessimista, deixando de ocorrer em loop, ficando o macho num estado de espírito derrotista constante:

"Não vais conseguir comprar. Já não tens tempo. 3 semanas de alertas não serviram de nada. 

Perdeste a tua chance. Bela figura que vais fazer.

Quero ver o que lhe vais dizer quando ela vir que não há prenda nenhuma."

 

Mas, incrivelmente, também aqui temos o botão de silêncio novamente adaptado:

"Calma. Não te deixes ir abaixo. É dia 22. Ok, passaram 3 semanas, mas tens 2 dias. Se não fores hoje, ainda tens amanhã."

 

22% dos rapazes ficam por aqui e compram a prenda neste marco.

 

Quinto marco - Dia 24 de Dezembro

 

Aqui, Darwin explica.

Só chegam ao quinto marco, os machos psicologicamente mais aptos. 

Chegámos à véspera de Natal sem prenda! Não é algo absurdamente fantástico?

 

Neste período deixa de existir uma mensagem de alerta, ou comportamento pessimista. Passa a existir um pensamento constante. Destruidor. Obsessivo.

Todas as funções físicas e psicológicas do macho estão orientadas num só objetivo. Comprar a prenda.

Necessidades básicas, como comer, dormir, olhar para os bolsos de trás das calças de outras raparigas, Benfica, tudo desaparece!

Apenas nos focamos, em loop, nas memórias que temos da rapariga e do que ela gostava de comprar. E quando finalmente elegemos a prenda vencedora. Chegamos à loja e está esgotado. Obviamente!

 

Plano B - São 17 horas de dia 24, estamos num shopping, o plano A acaba de falhar, lembramo-nos rapidamente de uma segunda prenda e tentamos mais uma vez. Felizmente esta ainda está disponível. Fantástico. Foguetes são lançados na nossa cabeça. Já há Benfica outra vez! 

Hora de voltar a casa.

Entrar no elevador do shopping, olhar para o lado e ver outros machos com prendas na mão.

 

Parabéns! Cumprimentem-se rapazes! Safaram-se este ano!

 

Fazem parte dos 9 % que faltam.

 

 

Infelizmente, passei já por todos estes marcos o ano passado.

 

Serviu-me de lição. Este ano vou comprar mais cedo.

 

Às 12 horas de dia 24.

 

cartoon-nervous-white-boy-carrying-a-shaky-stack-o

 

 

 

P.A. 


E fazer like na página do facebook, não?

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

11 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Queres mais conteúdo do bom? Segue-me no Bloglovin que eu depois digo-te onde.

Arquivo