Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

Desculpa Primark...

Penso que já seja conhecida a minha opinião sobre uma determinada marca que é caracterizada pela capacidade de encher toda a área adjacente à sua entrada, na sua maioria com elementos do sexo masculino. Ali ficam horas, meditando sobre a vida, ou apenas topando as leggings das madames que vão entrando. Mas esta parte eu até já aceito como normal. [a parte das leggings, a da espera não]

Basicamente é o mesmo quando estamos angustiados por saber que temos de esperar 2 horas por vocês, mas depois olhamos e vemos que vai começar um jogo da Champions. E de repente o mundo é perfeito outra vez. Mandamos prontamente uma SMS a avisar que podem estar à vontade. As leggings não duram 2 horas, mas entretem.

 

Com toda esta espera sem Champions que tenho no currículo, eu, nas minhas meditações, até já pensei em abrir negócio.

Já pensei em abrir uma tasquinha em frente a cada Primark. A "Pri-tasca". Que maravilha seria! É que a entrada da Primark é basicamente o mesmo que o Alto dos Moinhos num dia de jogo do Benfica. Só temos homens e no mínimo vão para lá para esperar umas 2 horas, não menos. Acreditem que a sandoxa, a bifana e o jornalzinho, iam vender.(interessados em parcerias contactar: professorDeA@sapo.pt)

 

Mas vamos ao que interessa. Além de todo este historial entre mim e esta marca que disseca o macho alfa que nos habita, então não é que agora se lembraram de criar uma gama de noivas?!

NOIVAS?? A sério??? Epa, não me façam uma coisa destas! Estava um gajo sossegado!

É bonequinhos para o bolo, é bonequinhos para a mesa, é decoração, é vestidos, é BOUQUETS!!

 

BOUQUETS! MEUS AMIGOS! BOUQUETS!

 

Cara Primark, desculpa lá os meus posts anteriores. A sério. Era a brincar.

Não era preciso levares tão à letra. Não tenho problema em admitir: A culpa é minha, não é tua.

Podemos ser amigos?

Mas não te metas nestas coisas do casamento, está bem? Podes ficar com a casa, com o carro... mas não fiques com ele.

Vá lá, tira lá os bouquets e essas coisas casamenteiras das prateleiras. Os homens já ficavam à porta antes, agora além de perderem horas de vida que podiam gastar perfeitamente na fila da segurança social, depois de 2 horas de suplício, ainda têm de ver a namorada a chegar com um bouquet na mão??

 

Não há coração para isto!

 

 (imagem)

 

P.A

 

Para verem que estou disposto a fazer as pazes até deixo aqui um link (de outro blog muito conhecido aqui do sapo) para ti querida e fofa Primarkzinha do meu coração!

 

Beijinho no ombro, Amiga.

 


E fazer like na página do facebook, não?

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

28 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Queres mais conteúdo do bom? Segue-me no Bloglovin que eu depois digo-te onde.

Arquivo