Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

A minha namorada apanhou o bouquet

Um local de paz e reflexão, mesmo tendo ela apanhado o bouquet.

A verdadeira origem do dia dos Namorados!

Caríssimos,

 

Se não têm televisão, internet, namorada, namorado ou não vivem neste mundo, se calhar não sabem, mas hoje é dia dos namorados.

 

Mas, alguma vez pararam para pensar de onde é que apareceu isto tudo?

 

Como é que de um dia para o outro chovem corações em todas as lojas? E nem se fala de colesterol?

Ou quem é o senhor Valentim e o que fazia? Seria ele um empresário da noite bem sucedido? Ou seria simplesmente o porteiro?

Ou até mesmo porque é que em Portugal se celebra no dia 14 de Fevereiro, mas no Brasil é dia 12 de Junho?

O Pedro Álvares Cabral, mesmo enganado, não demorou tanto tempo a dar com aquilo!

 

Enfim, esta sucessão de histórias mal contadas que ninguém questiona fez-me ir à procura de algumas respostas.

E existem umas fantásticas. Tenho 3 para vos mostrar.

 

Mas em primeiro lugar, deixem-me dizer que percebo perfeitamente a alteração de dias de Portugal para o Brasil.

Devia ser bonito, juntar o carnaval brasileiro e dia de namorados! Ainda por mais com aquele calor todo lá em baixo (geograficamente falando, claro) nesta altura do ano!  Assim, sendo em Junho sempre dá para levar o parceiro caçado em Fevereiro e a malta já pode voltar a estar solteira em Fevereiro outra vez. É tudo uma questão de logística amorosa. 

Por cá, como estamos de inverno, podemos juntar as festas todas no mesmo mês, sempre é mais seguro. O frio não puxa tanto...

 

Mas vamos agora analisar a origem do nosso (português) dia dos namorados, dia de são Valentim.

 

Na realidade encontrei não uma explicação, mas sim 3 possíveis, o que já por si, explica muita coisa!

 

Versão 1 - A Teresa Guilherme -  Quando estamos a celebrar o dia 14 de Fevereiro, estamos na realidade a celebrar o dia em que o bispo Valentim foi executado, no ano de 270.

O imperador Cláudio II acreditava que os jovens que não tivessem família, ou esposa, iam alistar-se com maior facilidade e dedicação, tendo por esse motivo proibido os casamentos. No fundo uma espécie de troika, só que a troika só tirou o dinheiro ao pessoal não proibiu nada, mas o efeito prático foi o mesmo. Perante isto o bispo Valentim mandou o senhor imperador, com todo o respeito, pastar(!) e continuou a ser a Teresa Guilherme de serviço. Conclusão, alguma senhora ou senhor mal amado foi fazer queixinhas e prenderam o bispo. Foi condenado à morte e executado no dia 14 de Fevereiro.

 

Versão 2 - Os Bons velhos tempos - O dia 14 de Fevereiro marca o período da lupercais, festa anual celebrada na Roma antiga em honra à deusa Juno e ao deus Pan. Um dos rituais deste festival era, e preparem-se para esta parte romântica, a passeata da fertilidade, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade. De realçar que as senhoras iam propositadamente para as filas para receberem a dita "bênção do Benfica quando perde".

Ahh...que nostalgia agora...Digam-me lá como é que se perdem estes bons velhos costumes? Não era bem mais bonito isto que andar a oferecer bombons?

 

Versão 3 - O Chico esperto - na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de Fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta do(a) amado(a). Na sua forma moderna, a tradição surgiu em 1840, nos Estados Unidos, depois do senhor mais esperto lá do sítio, Esther Howland, ter percebido o esquema e ter vendido 5 mil dólares em cartões do Dia dos Namorados! Desde aí, a tradição de enviar cartões continuou e foi aumentando cada vez mais, e no século XX espalhou-se por todo o mundo. Afinal o amor é que traz o dinheiro e não o contrário! Avisem a senhora Melania Trump por favor!

 

E pronto, conclusão?

Ou ficamos pelo senhor que deu a vida para juntar pessoas, ou pelo festival do açoite e porrada que inspirou as 50 sombras de Grey ou pelo senhor que fez disto negócio e de todos os outros que o seguiram cheios de amor, mas ao dinheiro, até aos dias de hoje... 

 

Enfim...Escolham vocês a versão que gostarem mais.

 

Afinal de contas eu só sei que hoje é dia de Liga dos Campeões!

 

Bora lá Benfica! 

 

P.A.


E fazer like na página do facebook, não?

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

44 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Queres mais conteúdo do bom? Segue-me no Bloglovin que eu depois digo-te onde.

Arquivo